Título: Fragmentos  

Autora: Rogélia Maria Proença

Editor: Edições Hórus  

Capa e Ilustrações de Estrela Nunes

Revisão: Rogélia Proença e Ana Ângelo 
ISBN: 978-989-8837-71-4

Depósito Legal: 442366/18

 

"Nesta dor de alma, sem chegar a atingir a revolta, Rogélia Proença conforma-se, mas sentindo uma dor intensa e assumindo a ausência física de um ser que amava:

«Passou uma semana sem te ver fisicamente… Mas senti as tuas mensagens e isso dá-me Paz. Quero chorar hoje, mas não quero ser egoísta e sei que estás numa dimensão de Luz, a meu lado e já não tenho medo… Apenas por ser humana, me dói tanto… Te sinto tanto.»

A autora encontrou na força ilocutória da palavra o caminho para a reconciliação consigo própria, o caminho da passagem das trevas para a luz e a escrita proporcionou-lhe mitigar a angústia e o sofrimento, pois como diz:

«Vou estar cá para todos. Continuarei o teu legado, se me for possível e tiver forças. E, agora que escrevi, já voou um pouco mais este peso de existir, o peso que sentia no peito.»

A escrita é vida, com a escrita renascemos e autora reaprendeu, com a escrita, a viver essa ausência:

«Teço, escrevo, curo,

Escrevo, digo, rememoro,

Teço, escrevo,

Vivo, escrevo!

Escrevo, logo, vivo…

(E seco o meu choro.)»

Rogélia Proença continua assente à sua terra: sente o cheiro das flores, absorve o odor do granito das rochas, envolve-se na neve da montanha, ama os campos em que fora criada. Não esquece as suas raízes! Já nas Bucólicas, Virgílio dissera:

Hinc tibi, quae sempre, uicino ab limite saepes

Hyblaeis apibus florem depasta salicti

Saepe leui somnum suadebit inire sussurro;

Hinc alta sub rupe canet frondator ad auras;

Nec tamen interea raucae, tua cura, palombes,

Nec gemere aeria cessabit turtur ab ulmo (Buc., I, vv. 53-58) 
Convido-vos a que, juntamente com a autora, façamos um périplo por Fragmentos, pois como diz Mia Couto «O escritor é alguém que solta o barco e convida para a errância da viagem». Como a nossa vida é feita de fragmentos, Rogélia Proença poderá ir erguendo os olhos ao céu e agradecendo asbênçãos pelos dotes de escrita a que foi predestinada.

 

O seu pai, do alto dos céus, assistirá, alegremente, aos fragmentos e a Fragmentos da filha como que num belo banquete celestial!"

 

Paulo Osório

Professor Associado com Agregação Universidade da Beira Interior

Fragmentos

10,00 € Preço normal
6,00 €Preço promocional

    TODOS OS DIREITOS RESERVADOS: Edições Hórus e os respectivos autores 2015-2020